Quanto vale cada centavo?

Imagem

Essa semana, assistindo ao “What Not To Wear” (Esquadrão da Moda estadunidense) me deparei com uma situação que é realmente um privilégio para pouquíssimos: pagar 6 mil dólares em um casaco. Então me veio a ideia desse post. Quanto vale cada centavo?

Citando uma das minhas inspirações de vida a gastadeira ruiva queridinha de todos Becky Bloom “Custo e valor são duas coisas muito diferentes“. Aquela peça caríssima, vale realmente o valor gasto ou seria mais interessante investir seu dinheiro numa peça com valor mais acessível? Acredito que o que importa é o conforto. Se algo lhe conforta não importa o valor. É um investimento. No entanto, aquela calça jeans de R$500,00 é realmente mais confortável ou até mesmo mais bonita do que a de R$250,00? É um caso a se pensar.

Relato pessoal:

Eu não sou muito de me preocupar com marca, se algo couber em mim e eu me sentir bonita eu compro. Independente de marca ou valor. Mas, quando se é adolescente, a marca importa sim. Há 10 anos eu era obcecada pela Presidium. Ter aquele izinho em uma roupa minha era meu sonho. Um belo dia de verão então finalmente realizei meu sonho, minha mãe comprou 3 blusas da Presidium pra mim. Me senti A Ostentação. Cada blusa tinha sido mais de 150 reais e olha que nem era tão ornamentada assim. Eram duas de malha, uma preta e uma azul e a outra não me lembro. Tudo que me importava era aquele maldito i em strass preto. E o que aconteceu? Depois de 2, exatamente DUAS usadas as duas blusas de malha DESCOSTURARAM. A costura simplesmente estourou e minha mãe teve que reforçar a costura das blusas.

Depois disso não quis mais uma blusa Presidium por anos. Ai há uns meses a necessidade bateu à minha porta, precisei de uma camisa e a única marca que tinha na loja? Presidium. Comprei. Ela ainda não descosturou mas também não a uso tanto assim.

Ai vocês me perguntam “O que isso tem a ver?” O que tem a ver é, não é porque é caro que é de boa qualidade. Às vezes uma marca mais barata é mais durável. Outro exemplo de vida meu. Tenho blusas da Malwee que comprei por R$12,00 há 5 anos que estão inteirinhas, nunca descosturaram nem desbotaram. Isso que é investimento!

Voltando ao foco do post:

Uma roupa de grife claro é sempre bem vinda ao guarda-roupa mas e o valor? É gasto ou investimento? Quantas vezes você vai usar essa peça? Antes de dar o seu suado dinheirinho por algo pense em 3 coisas:

1º Eu preciso mesmo disso?

2º Quantas outras coisas isso vale?

3º Vou fazer valer cada centavo?

Se todas as respostas te agradarem, leve e seja feliz. Se não, não leve e seja feliz do mesmo jeito. Te garanto que depois de uma grande análise você saberá o melhor a fazer. Ai você diz “Camila, você é pão dura!” e eu te respondo “Não, eu sou alguém que já gastou muito e se arrependeu todas as vezes e agora aconselho pessoas a não cometer o mesmo erro que eu“.

Mas agora é com vocês. Qual o maior gasto que tiveram na vida? Qual foi a coisa mais cara que compraram? Conte-me sua história. Adorarei conhecer suas experiências.

Beijos e até a próxima.

Autora: Camila Sousa

P.S.: Assistam “Os Delírios de Consumo de Becky Bloom” esse filme faz milagres.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s